57% dos homens gays tendem a envelhecer solteiro, diz pesquisa

57% dos gays com mais de 45 anos chegam nessa idade sem a companhia de um parceiro (Foto: Bear Pictureart)

Uma nova pesquisa aponta que a maioria dos homens gays tendem a envelhecer sozinho, ou seja, solteiro, quando comparado com lésbicas.

Segundo o estudo feito pela AARP com 1.782 LGBTs adultos, o resultado mostrou que 57% dos gays com mais de 45 anos chegam nessa idade sem a companhia de um parceiro, enquanto entre as lésbicas esse percentual é bem menor: 39%; já em relações aos bissexuais, a taxa é de 48%.

"A chance de se envelhecer sem estar casado entre homens gays é notavelmente maior e isso influencia diretamente nas necessidades e tipos de serviços direcionados a este público", aponta relatório da pesquisa.

Estudos anteriores, realizados por entidades diferentes, já apontavam um resultado parecido com o da AARP.

Em 2013, uma pesquisa constatou que 63% dos homens gays acima dos 60 anos vivem suas vidas solteiras.

Já em 2011, outro relatório da Stonewall Organization do Reino Unido, mostrou que homens gays e bissexuais com idade superior a 55 anos tem três vezes mais chances de chegarem à terceira idade solteiros (40%) do que homens heterossexuais (15%).

bear plus magazine